Carreta Oftalmológica realiza atendimentos agendados, previamente, pelas UBS da região

 

De acordo com CBO 2015, mais de 72 milhões de brasileiros apresentam algum déficit da visão e pensando na prevenção a cegueira e na correção de problemas visuais, o programa Doutor Saúde inaugurou a Carreta Oftalmológica.

 

Após inauguração em Itaquera, a unidade móvel se deslocou para a zona sul de São Paulo e estacionou no bairro Capela do Socorro. E a partir do 20 de março a população, previamente agendada pelas UBS, terão acesso a exames e cirurgias oftalmológicas.

 

O Programa Doutor Saúde

O objetivo do programa é levar atendimento médico e exames para todas as regiões da cidade em carretas adaptadas contribuindo com a prevenção de problemas de saúde por meio do acompanhamento, monitoramento e diagnóstico precoce.

 

“Com este programa há uma economia de escala, porque a ação preventiva custa cinco vezes menos do que a ação curativa. O orçamento com melhor gestão é destinado à prevenção e a economia é investida em mais medicamentos, mais médicos e mais equipamentos nos hospitais públicos”. – afirmou João Doria.

 

Cada carreta de especialidade contará com uma unidade móvel, que irá percorrer a cidade em sistema de rodízio, permanecendo por um mês em cada bairro. A Carreta Vascular vai permanecer em Itaquera enquanto a Carreta Oftalmológica e a Saúde da Mulher irão se deslocar para o bairro Capela do Socorro, zona sul e para o bairro de Perus, zona norte respectivamente.

 

Cada unidade móvel do Doutor Saúde tem capacidade para atender 50 a 60 pacientes por dia. Os atendimentos acontecem de segunda a sexta das 07h às 16h. Para utilizar o serviço, é necessário fazer o agendamento em uma Unidade Básica de Saúde (UBS).

 

Todos os equipamentos vão oferecer orientações de prevenção e procedimentos de avaliação pré-operatórios, como exames laboratoriais e eletrocardiograma. Atualmente mais de 45 mil pessoas aguardam por atendimentos especializados nas áreas de oftalmologia, ginecologia e cirurgia vascular.

 

Na primeira fase, a ação receberá investimentos mensais de cerca de R$ 570 mil. Os próximos passos do programa são a disponibilização de mais cinco unidades, para atendimentos em saúde do homem, saúde escolar, gastroenterologia, coloproctologia e dermatologia.